segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

"& etc" - Exposição na Biblioteca Nacional

Capa da Revista Quinzenal nº 4
Cá por casa sempre ouvi falar do "& etc", já que o meu cavaleiro andante em tempos passados teve todas as revistas por eles editadas, bem como os dez primeiros anos das edições em livro. Perderam-se na espuma dos dias, com grande pena sua, mas a exposição que está na Biblioteca Nacional (até 31 de Maio), permitiu-lhe avivar a memória e recordar como a cultura já fez parte da vida portuguesa de todos os dias (hoje em dia bastante esquecida).

Suplmento Cultural "& etc..." no Jornal do Fundão
Para assinar o "& etc"

Fotos PNL

8 comentários:

  1. De "O Cavaleiro Andante" também fui fã e comprador, a partir do nº 27 - mas ainda os tenho.
    Da "& etc" ia petiscando os que me agradavam: Herberto, Gastão Cruz...
    Boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela visita! O "Cavaleiro Andante" é uma publicação que sempre me acompanhou por ter difo feita pelo meu pai. Faltavam-me una números dispersos e um ano inteiro que o meu cavaleiro andante me fez questão de oferecer num dia especial, tendo corrido meio mundo e o outro, em alfarrabistas, para os encontrar. Do "& etc" só conheço as histórias e agora as capas. Adorei o boletim para assinatura! :-)

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigada pela visita! Faz parte de uma época cultural muito importante! Pode-se ficar com uma ideia nesta exposição!

      Eliminar
  3. A mais importante Editora na divulgação do Surrealismo em Portugal, tudo fruto de um homem chamado Vitor Silva Tavares, tendo esta maravilhosa aventura começado no Jornal do Fundão, para depois se transformar em revista quinzenal de boa memória e depois editora com o seu célebre formato quadrado. Boas memórias e excelentes leituras me proporcionaram:)
    PS - Uma excelente exposição!
    Boa Tarde!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela visita! Valeu a pena visitar, é verdade!

      Eliminar
  4. Nao conheco as revistas, mas nao tendo crescido em Portugal sera normal. Mas deve ser interessante ver uma exposicao que nos faz recordar bons tempos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela visita! Foi extremamente interessante. Eram contra-cultura antes do 25 de Abril e estiveram suspensas muitas vezes (uma das vezes um ano inteiro)

      Eliminar