segunda-feira, 14 de março de 2016

Paris e "Le Bonheur des Dames"

Para quem gosta destas artes, há lugares mágicos. Para mim, um deles é a loja "Le Bonheur des Dames" e as visitas feitas a Paris têm lá uma paragem obrigatória. Não só a zona é lindíssima: Grands Boulevards - Passage Verdeau, ao lado do Museu Grévin, como aqui se podem encontrar duas lojas de brinquedos/miniaturas mais bonitas que já vi, bem como um magnifico salão de chá (cheio de todas as delícias) para descansar as fadigas dos passeios (até já lá vimos publicidade a um desfile de uma das nossas estilistas que ia fazer aí o lançamento de uma das sua colecções).

Esta loja que, para onde quer que se olhe, nos apetece comprar quadros, esquemas, linhas, tecidos e todos os possíveis afins que se relacionem com esta arte, onde o meu companheiro de viagens e de vida me ajudou a decidir o que trazer, para que ficasse de recordação para sempre. Assim agora já não me lamento mais como o fazia de cada vez que a minha tesoura dos bordados me desaparecia da vista numa prega do tecido, debaixo das linhas, etc, até num saco que por ali andava. 

Se no passado não fui capaz de pedir para fotografar, dessa vez decidi ser "japonesa" (mas pedindo licença) e fotografei alguns dos magníficos trabalhos de ponto de cruz expostos nas paredes.

10 comentários:

  1. Não percebo nada dessas artes, só de lugares mágicos, creio :|

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se percebe de lugares mágicos, está bem encaminhado! Eu, mesmo que não relacionados com estas artes, tenho descoberto uns por aí, onde se respira de forma diferente, melhor!

      Eliminar
  2. Esta loja em Paris é um verdadeiro Templo do Ponto de Cruz.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Gostei imenso das fotografias, os trabalhos estão muito bonitos!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São belos! Dá vontade mesmo de comprar tudo!

      Eliminar
  4. Desconhecia esses espaços e na minha última viagem a Paris não andei por esses lados, acho eu!!!! Todo o trabalho de ponto cruz merece sempre um olhar cuidadoso, pois acaba por ser uma arte!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As passagens de Paris valem uma visita Carlos, numa próxima que vá (e se tem família simpática onde ficar) não perca.

      Eliminar
  5. Fui duas vezes a Paris e não sabia que há uma loja dedicada ao ponto cruz.
    Vendo as fotografias, parece ser um lugar para perder os olhos.

    cantinhodacasa, com blog no blogger

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perdem-se os olhos, ressente-se a bolsa, mas vale a pena!

      Eliminar